NOTÍCIAS

15/03/2019

Bernardinho é mais uma atração confirmada no Congresso Olímpico Brasileiro

Um dos mais vitoriosos treinadores da história do vôlei, ele falará sobre Gestão de Esquipe Multidisciplinar no dia 13 de abril, em São Paulo

Bernardinho é mais uma presença confirmada no 1º Congresso Olímpico Brasileiro, promovido pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), dia 13 de abril, no WTC, em São Paulo. Sucesso dentro e fora das quadras, o ex-treinador é um dos maiores campeões da história do vôlei mundial com mais de 30 títulos em 24 anos de carreira dirigindo as seleções brasileiras feminina e masculina. Inspiração para atletas, treinadores, gestores e profissionais do esporte, Bernardinho vai falar sobre Gestão de Equipe Multidisciplinar no evento, que reunirá uma seleção de renomados especialistas internacionais e nacionais.
 
Como atleta, entre 1979 e 1986, defendeu diversos clubes do Rio de Janeiro e a Seleção Brasileira, onde integrou a histórica Geração de Prata, que conquistou a primeira medalha olímpica da modalidade, em Los Angeles 84, além de diversos outros títulos. Em 1994, foi convidado para comandar a Seleção Brasileira feminina, onde ficou até 2000. A partir de 2001, iniciou a mais vitoriosa era do voleibol brasileiro. À frente da Seleção Brasileira masculina, Bernardinho enfileirou pódios e elevou a modalidade a outro patamar. No total, somou mais de 30 conquistas à frente da equipe, transformando o Brasil na grande potência mundial do vôlei. Entre as maiores conquistas estão dois ouros olímpicos (Atenas 2004 e Rio 2016), duas pratas (Pequim 2008 e Londres 2012), três títulos mundiais (2002, 2006 e 2010), além de oito Ligas Mundiais e duas Copas do Mundo. Em 2017, encerrou seu ciclo no comando da equipe nacional.

Com a grande evolução das Ciências do Esporte nos últimos anos, tornou-se imprescindível a atuação de uma equipe multidisciplinar integrada à filosofia aos objetivos de trabalho, com função e regras de atuação de cada integrante. A aplicação na prática vai estabelecer uma metodologia a ser seguida por toda a equipe culminando no resultado esportivo.

Bernardinho vai mostrar no Congresso como o trabalho multidisciplinar precisa ser aprimorado e controlado de forma contínua. Vai esclarecer como, o que é, qual a sua função, quem deve estar inserido, qual o nível de formação de seus integrantes, qual deve ser perfil do coordenador da equipe, como organizar a metodologia e como será a gestão da equipe.

Destinado a gestores, treinadores e demais profissionais das ciências do esporte, o Congresso Olímpico Brasileiro tem como objetivo comunicar e compartilhar informações, conhecimentos e benchmarking, formando uma comunidade com os principais stakeholders do esporte.  

O Congresso Olímpico Brasileiro marca a comemoração dos 10 anos do IOB e terá a presença de grandes nomes de referência internacional como como Chelsea Warr, diretora de Performance do UK Sports, órgão do governo que repassa recursos ao esporte olímpico do Reino Unido, Maurits Hendricks, diretor do Comitê Olímpico Holandês, e Michael Vesper, consultor sênior do Comitê Olímpico Internacional e de 2006 a 2017 foi diretor geral e presidente do Conselho Executivo do Comitê Olímpico da Alemanha. Entre os especialistas nacionais estão o diretor de Esportes do COB, Jorge Bichara, e o presidente da Sociedade Brasileira de Treinadores e consultor pedagógico do Instituto Olímpico Brasileiro do COB, Antônio Carlos Gomes.